Aglomerado Globular que hospeda centenas de buracos negros

Espaço para se discutir novidades na área bem como se atualizar notícias a respeito do espaço ou descobertas afins
Avatar do usuário
Xevious
Administrador
Administrador
Mensagens: 9534
Registrado em: 28 Abr 2009, 01:12
Fale sobre voce: Sou feito de atomos
Gender:
Brazil

Aglomerado Globular que hospeda centenas de buracos negros

Mensagempor Xevious » 15 Abr 2017, 18:14

Imagem

Uma nova pesquisa da Universidade de Surrey publicada na revista Monthly Notices da Royal Astronomical Society brilhou luz sobre um aglomerado globular de estrelas que podem hospedar centenas de buracos negros, um fenômeno que até recentemente era considerado impossível.

Aglomerados globulares são coleções esféricos de estrelas que orbitam em torno de um centro galáctico, como a nossa Via Láctea galáxia. Usando simulações de computador avançadas, a equipe da Universidade de Surrey foram capazes de ver o não-ver-capazes mapeando um aglomerado globular conhecido como NGC 6101, a partir do qual a existência de buracos negros no sistema foi deduzida.
Esses buracos negros são algumas vezes maior do que o Sol, e formam no colapso gravitacional de estrelas de grande massa no final de suas vidas.Anteriormente pensava-se que esses buracos negros seriam quase todo ser expulsos do seu cluster de pai, devido aos efeitos da explosão da supernova, durante a morte de uma estrela.

"Devido à sua natureza, os buracos negros são impossíveis de ver com um telescópio, porque não há fótons podem escapar", explicou o autor Miklos Peuten da Universidade de Surrey. "A fim de encontrá-los olhamos para o seu efeito gravitacional sobre os seus arredores. Usando observações e simulações que são capazes de detectar as pistas distintas para o seu paradeiro e, portanto, efetivamente" ver "a un-previsível".

É somente recentemente, em 2013, que os astrofísicos descobriram buracos negros individuais em aglomerados globulares através de fenômenos raros em que uma estrela companheira doa materiais para o buraco negro. Este trabalho, que foi apoiado pelo Conselho Europeu de Investigação (ERC), mostrou que, em NGC 6101 pode haver várias centenas de buracos negros, derrubando velhas teorias a respeito de como os buracos negros se formam.
Co-autor Professor Mark Gieles, University of Surrey continuou: "O nosso trabalho destina-se a ajudar a responder questões fundamentais relacionadas com a dinâmica das estrelas e buracos negros e ondas gravitacionais observados recentemente. Estes são emitidos quando dois buracos negros se fundem, e se o nosso interpretação é certo, os núcleos de alguns aglomerados globulares pode ser onde as fusões de buracos negros ter lugar. "

Os pesquisadores escolheram para mapear este antigo aglomerado globular particular devido à sua composição distinta encontrado recentemente, o que sugeria que poderia ser diferente de outros clusters. Comparado a outros aglomerados globulares NGC 6101 aparece dinamicamente jovem em contraste com as idades das estrelas individuais. Também o cluster aparece inflado, com o núcleo de ser sub-povoada por estrelas observáveis.

Usando simulação de computador, a equipe recriado cada estrela individual e buraco negro no cluster e seu comportamento. Durante todo o tempo de vida de treze bilhões de anos a simulação demonstrou como NGC 6101 evoluiu. Foi possível ver os efeitos de um grande número de buracos negros sobre as estrelas visíveis, e reproduzir o que foi observado para NGC6101. A partir disso, os pesquisadores mostraram que a juventude aparente dinâmica inexplicável é um efeito da grande população buraco negro.

"Esta pesquisa é emocionante como pudemos observar, teoricamente, o espetáculo de toda uma população de buracos negros, usando simulações de computador. Os resultados mostram que os aglomerados globulares como NGC 6101, que foram sempre considerados chatos são de fato os mais interessantes, possivelmente, cada abrigando centenas de buracos negros. Isso vai nos ajudar a encontrar mais buracos negros em outros aglomerados globulares no Universo. ", concluiu Peuten.

Imagem

Universidade de Surrey
Conheça o site Tele-Tudo e compre o que precisar, por tele-entrega


  • Tópicos Semelhantes
    Respostas
    Exibições
    Última mensagem

Voltar para “AstroFisica”

Quem está online

Usuários navegando neste fórum: Nenhum usuário registrado e 1 visitante