Autistas Geniais

Aqui você pode discorrer sobre qualquer assunto que não se enquadra em alguma outra seção.
Avatar do usuário
Xevious
Administrador
Administrador
Mensagens: 9582
Registrado em: 28 Abr 2009, 01:12
Fale sobre voce: Sou feito de atomos
Gender:
Brazil

Autistas Geniais

Mensagempor Xevious » 18 Set 2016, 22:05

Savantismo, também chamado de síndrome do sábio ou síndrome de savant, é um distúrbio psíquico. A condição é um mistério que fascina e intriga a ciência. Seus portadores geralmente possuem altas habilidades, incríveis MESMO, como memória extraordinária, e ao mesmo tempo sérios problemas de desenvolvimento, como dificuldade para falar e se relacionar socialmente.

Conheça a história de nove pessoas com savantismo e altas habilidades:

O homem com síndrome de Down que se tornou um maestro brilhante

Imagem

Zhou Zhou nasceu com síndrome de Down em 1 de abril de 1979 em Wuhan, na China. Seu QI é apenas 30% o de uma pessoa normal. Ele não sabe sua idade ou reconhece moedas, mas distingue todos os instrumentos de uma sinfonia.
Ele é o único maestro no mundo que não lê música. Seu talento especial permite-lhe memorizar todas as melodias logo depois que as ouve pela primeira vez.
Zhou Zhou já percorreu o mundo, trazendo alegria a muitas pessoas com suas habilidades especiais. Em 2006, sua mãe morreu de câncer, e ele permaneceu fora da vista pública até 2014, quando concedeu uma entrevista à Central Television da China.

O homem autista que pode pintar paisagens detalhadas de memória

Imagem

Stephen Wiltshire pode desenhar e pintar paisagens detalhadas e urbanas inteiramente de memória.
Ele era mudo quando foi diagnosticado com autismo severo com três anos. Logo, começou a se comunicar através de seus desenhos depois de ter sido enviado para uma escola em Londres, na Inglaterra. Com o apoio de seus professores, Stephen lentamente aprendeu a falar.
Foi durante esses anos que seu talento especial foi descoberto. Na sequência de uma excursão, ele pintou o ornamentado Albert Hall em detalhe sem o auxílio de uma fotografia. Ele pode olhar para algo apenas uma vez e reproduzi-lo com precisão, até o número exato de colunas ou janelas de um prédio, por exemplo.
Stephen já eternizou as cidades icônicas de Tóquio, Roma, Hong Kong, Frankfurt, Madrid, Dubai, Jerusalém, Londres, Cingapura e Nova York.
https://www.youtube.com/watch?v=xZISZtsojOs

O homem severamente autista que pode tocar músicas que ouviu apenas uma vez

Imagem

Em 1995, Rex Lewis-Clack nasceu cego e severamente autista. No entanto, desde criança, ficou claro que tinha uma afinidade especial para a música. “Quando tinha três anos, ele começou a pegar as notas da Nona Sinfonia de Beethoven”, conta sua mãe, Cathleen Lewis.
Rex apresenta uma espantosa capacidade de reproduzir peças de piano que ouviu apenas uma vez. Ele também improvisa variações musicais com base em um determinado tema.
Agora com 20 anos de idade, Rex tem tocado profissionalmente desde os oito e encantado plateias em todo o mundo. Porém, longe do teclado, ele ainda tem dificuldade em manter uma conversa básica.
Rex é apenas uma das cerca de 30 pessoas ao longo da história que combinaram cegueira, deficiência intelectual e habilidade musical prodigiosa.
https://www.youtube.com/watch?v=auEoawNQmfE

As gêmeas idênticas que são conhecidas como “As gêmeas Rain Man”

Imagem

Flo e Kay Lyman são gêmeas idênticas autistas que têm habilidades de memória especiais. As irmãs, agora com quase 60 anos, demonstram uma capacidade extraordinária de reter uma vasta coleção de detalhes sobre aparentemente tudo o que aconteceu em suas vidas inteiras – o que viram, ouviram, experimentaram, cheiraram e tocaram.
Elas são as únicas gêmeas autistas com savantismo conhecidas no mundo. O que as torna ainda mais originais é que são bastante sociais e falantes. As irmãs até mesmo fazem piadas e expressam opiniões. Eles também gostam de ver bandas ao vivo.
Assim como o personagem de Dustin Hoffman em “Rain Man” era obcecado com um programa, as gêmeas religiosamente observam e tomam notas de cada episódio de “The $100,000 Pyramid”. Seu ídolo é o apresentador Dick Clark. Flo e Kay ficaram devastadas quando Clark teve um derrame em 2004, tendo feito um pequeno santuário em seu quarto e orado regularmente para a sua recuperação.

A autista que se tornou uma das melhores cientistas animais

Imagem

Temple Grandin é talvez pessoa com autismo mais famosa do mundo. Ela tem uma excepcional inteligência não verbal e memória espacial.
Professora doutora de ciências animais na Universidade Estadual de Colorado (EUA), Grandin superou problemas de fala cedo na vida e se tornou autora e ativista de causas vinculadas ao bem-estar animal. Hoje, é especialista e consultora em comportamento animal.
Além disso, Grandin é defensora da pesquisa e consciência do autismo. Ela também inventou a “Hug Box”, uma máquina que ajuda as pessoas com transtornos relacionados ao autismo a lidarem com a ansiedade.
Seus livros são destinados a ampliar a compreensão do público sobre os desafios enfrentados pelas pessoas no espectro do autismo, além de explorar como tirar o máximo dos seus pontos fortes e habilidades únicas.

O autista cego que tem feito concertos em todo o mundo

Imagem

Derek Paravicini, de 36 anos, é cego e tem graves dificuldades de aprendizagem. Ele não pode vestir-se ou alimentar-se sozinho, mas decora e aprende a tocar uma música instantaneamente ao ouvi-la.
Derek nasceu prematuramente, com 25 semanas. Sua cegueira foi causada por oxigenoterapia durante seu tempo em uma unidade de terapia intensiva neonatal. A terapia também afetou seu cérebro em desenvolvimento, resultando em sua severa deficiência de aprendizagem. No entanto, ele é um prodígio musical. Ele tem afinação perfeita e capacidade de reproduzir praticamente qualquer peça de música no piano depois de ouvi-la apenas uma vez.
Em sua primeira visita ao The Linden Lodge School for the Blind, quando garoto, Derek ouviu uma música e seguiu o som até uma sala onde um professor, Adam Ockelford, estava tocando piano. Ele empurrou Ockelford para o lado e assumiu o instrumento. O professor encorajou seu interesse musical e, desde então, Derek feito shows ao vivo em diferentes lugares do mundo, de Las Vegas ao Palácio de Buckingham, emocionando públicos de todos os cantos.
https://www.youtube.com/watch?v=mrDV74pkZYk

O menino autista que é autor de dois livros e teorias sobre o aproveitamento da energia renovável

Imagem

Vishal Anand tem 10 anos. Ele lançou uma coleção de canções devocionais, “Smaranam”, escritas e compostas por ele, em 25 de dezembro de 2014. As letras do álbum estão em quatro línguas: tâmil, sânscrito, devanágari e malaiala.
Aos 6 anos, Vishal escreveu seu primeiro livro, “Meadow of Moods”, seguido de outro chamado “Jumbo’s Bag—Words & Phrases”, que tem ênfase em crianças com necessidades especiais e seus desafios linguísticos.
Vishal vai para escola principalmente com a finalidade de adquirir habilidades de interação social, visto que seus conhecimentos ultrapassam em muito o de seus colegas. “Temos levado Vishal a vários terapeutas ocupacionais para ajudá-lo a desenvolver habilidades básicas para a vida independente, e aprimorar suas habilidades motoras”, conta sua mãe, Vidhya.
Os pais de Vishal começaram a se comunicar com os pesquisadores do Instituto Indiano de Ciência, que têm mostrado interesse nas teorias de energia renovável criadas pelo menino. “Meu herói é o ganhador do prêmio Nobel Albert Einstein. Eu estou interessado em fazer pesquisa para criar um dispositivo de energia renovável radioativa em colunas de células de combustível que podem ser usadas em carros, residências e indústrias”, dsse Vishal.

O homem com deficiência grave que também é um talentoso escultor

Imagem

Alonzo Clemons sofreu uma lesão cerebral grave quando era muito jovem, mas havia indícios de seu talento mesmo antes disso. Quando pequeno, ele já fazia esculturas usando massinha colorida.
Aos três, ele caiu e sofreu uma lesão cerebral. O acidente o deixou gravemente incapacitado, e seu QI caiu para 40. No entanto, isso amplificou suas habilidades artísticas, e ele adquiriu um dom para criar esculturas com precisão inspiradora.
Clemons não precisa estudar um modelo por horas para criar suas obras de arte incrivelmente detalhadas. Depois de apenas um breve vislumbre da imagem de um animal, ele pode fazer uma escultura concisa dentro de uma hora.
Conforme ele cresceu, suas esculturas tornaram-se mais realistas e suas deficiências pareceram diminuir. Ele começou a falar e desenvolveu uma melhor capacidade de cuidar de si mesmo. Clemons agora precisa de pouca ajuda e trabalha em tempo parcial, além de continuar a fazer suas esculturas. Buscando inspirar a criatividade nas crianças, ele exibe suas obras em escolas.

https://www.youtube.com/watch?v=8w13NNU6oNQ

fonte: Oddee
Conheça o site Tele-Tudo e compre o que precisar, por tele-entrega


  • Tópicos Semelhantes
    Respostas
    Exibições
    Última mensagem

Voltar para “Conversa Livre”

Quem está online

Usuários navegando neste fórum: Nenhum usuário registrado e 1 visitante