Época 2010 - Formula 1

Avatar do usuário
Lancelot
Membro
Membro
Mensagens: 2665
Registrado em: 04 Mai 2009, 17:37
Fale sobre voce: Galáxia XRT 202 ZZ
Contato:
Portugal

Época 2010 - Formula 1

Mensagempor Lancelot » 13 Mar 2010, 13:26

Todos os circuitos

01 2010 FORMULA 1 GULF AIR BAHRAIN GRAND PRIX (Sakhir) 12 - 14 Mar
02 2010 FORMULA 1 QANTAS AUSTRALIAN GRAND PRIX (Melbourne) 26 - 28 Mar
03 2010 FORMULA 1 PETRONAS MALAYSIAN GRAND PRIX (Kuala Lumpur) 02 - 04 Apr
04 2010 FORMULA 1 CHINESE GRAND PRIX (Shanghai) 16 - 18 Apr
05 FORMULA 1 GRAN PREMIO DE ESPANA TELEFÓNICA 2010 (Catalunya) 07 - 09 May
06 FORMULA 1 GRAND PRIX DE MONACO 2010 (Monte Carlo) 13 - 16 May
07 2010 FORMULA 1 TURKISH GRAND PRIX (Istanbul) 28 - 30 May
08 FORMULA 1 GRAND PRIX DU CANADA 2010 (Montreal) 11 - 13 Jun
09 2010 FORMULA 1 TELEFÓNICA GRAND PRIX OF EUROPE (Valencia) 25 - 27 Jun
10 2010 FORMULA 1 SANTANDER BRITISH GRAND PRIX (Silverstone) 09 - 11 Jul
11 FORMULA 1 GROSSER PREIS SANTANDER VON DEUTSCHLAND 2010 (Hockenheim) 23 - 25 Jul
12 FORMULA 1 MAGYAR NAGYDIJ 2010 (Budapest) 30 Jul - 01 Aug
13 2010 FORMULA 1 BELGIAN GRAND PRIX (Spa-Francorchamps) 27 - 29 Aug
14 FORMULA 1 GRAN PREMIO SANTANDER D'ITALIA 2010 (Monza) 10 - 12 Sep
15 2010 FORMULA 1 SINGTEL SINGAPORE GRAND PRIX (Singapore) 24 - 26 Sep
16 2010 FORMULA 1 JAPANESE GRAND PRIX (Suzuka) 08 - 10 Oct
17 2010 FORMULA 1 KOREAN GRAND PRIX (Yeongam) * 22 - 24 Oct
18 FORMULA 1 GRANDE PREMIO DO BRASIL 2010 (Sao Paulo) 05 - 07 Nov
19 2010 FORMULA 1 ETIHAD AIRWAYS ABU DHABI GRAND PRIX (Yas Marina Circuit) 12 - 14 Nov

Circuito do BAHRAIN

Imagem
O alemão Sebastian Vettel fez o melhor tempo com sua Red Bull e sairá em primeiro lugar no grid de largada do Grande Prémio do Barein de Fórmula 1, seguido do brasileiro Filipe Massa, da Ferrari.
Vettel conseguiu uma marca de 1min54s101 no circuito de Sakhir, enquanto Massa fez 1min54s242.

O espanhol Fernando Alonso, companheiro do brasileiro na Ferrari, será o terceiro e dividirá a fila com o inglês Lewis Hamilton, com quem esteve na McLaren em 2008.

O alemão Michael Schumacher, sete vezes campeão da F-1 e que voltou após três anos sem competir, agora ao volante de uma Mercedes, foi o sétimo.

Entre os brasileiros, Rubens Barrichello fez o 11º tempo com o seu Williams, enquanto Lucas di Grassi (Virgin) e Bruno Senna (Hispania) largarão em 22º e 23º lugar, respectivamente.

Imagem

1 5 Sebastian Vettel RBR-Renault
2 7 Felipe Massa Ferrari
3 8 Fernando Alonso Ferrari
4 2 Lewis Hamilton McLaren-Mercedes
5 4 Nico Rosberg Mercedes Benz GP Ltd
6 6 Mark Webber RBR-Renault
7 3 Michael Schumacher Mercedes Benz GP Ltd
8 1 Jenson Button McLaren-Mercedes
9 11 Robert Kubica Renault
10 14 Adrian Sutil Force India-Mercedes
11 9 Rubens Barrichello Williams-Cosworth
12 15 Vitantonio Liuzzi Force India-Mercedes
13 10 Nico Hulkenberg Williams-Cosworth
14 22 Pedro de la Rosa BMW Sauber-Ferrari
15 16 Sebastien Buemi STR-Ferrari
16 23 Kamui Kobayashi BMW Sauber-Ferrari
17 12 Vitaly Petrov Renault
18 17 Jaime Alguersuari STR-Ferrari
19 24 Timo Glock Virgin-Cosworth
20 18 Jarno Trulli Lotus-Cosworth
21 19 Heikki Kovalainen Lotus-Cosworth
22 25 Lucas di Grassi Virgin-Cosworth
23 21 Bruno Senna HRT-Cosworth
24 20 Karun Chandhok HRT-Cosworth
"O mal de muita gente não é a falta de ideias, mas um excesso de confiança nas poucas que tem"

Imagem


Avatar do usuário
Lancelot
Membro
Membro
Mensagens: 2665
Registrado em: 04 Mai 2009, 17:37
Fale sobre voce: Galáxia XRT 202 ZZ
Contato:
Portugal

Re: Época 2010 - Formula 1

Mensagempor Lancelot » 14 Mar 2010, 13:10

Imagem
Fernando Alonso

O espanhol Fernando Alonso conquistou hoje a sua primeira vitória como piloto da Ferrari, ao vencer o Grande Prémio do Bahrein, prova inaugural do campeonato do Mundo de Fórmula 1.

Atrás de Alonso ficou o seu companheiro de equipa, o brasileiro Filipe Massa, resultado que coloca a Ferrari já destacada na frente dos campeonatos de pilotos e construtores.

O inglês Lewis Hamilton (McLaren Mercedes) foi terceiro classificado, logo à frente do alemão Sebastian Vettel (Red Bull Renault), piloto que arrancou da "pole position" e dominava a prova até o motor do seu carro começar a perder potência.

Imagem
As beldades

Classificação
1 - Fernando Alonso (ESP/Ferrari) - 49 voltas em 1h39m20s396
2 - Felipe Massa (BRA/Ferrari) - a 16s099
3 - Lewis Hamilton (ING/McLaren-Mercedes) - a 23s182
4 - Sebastian Vettel (ALE/RBR-Renault) - a 38s713
5 - Nico Rosberg (ALE/Mercedes) - a 40s263
6 - Michael Schumacher (ALE/Mercedes) - a 44s180
7 - Jenson Button (ING/McLaren-Mercedes) - a 45s260
8 - Mark Webber (AUS/RBR-Renault) - a 46s308
9 - Vitantonio Liuzzi (ITA/Force India-Mercedes) - a 53s089
10 - Rubens Barrichello (BRA/Williams-Cosworth) - a 1m02s400
11 - Robert Kubica (POL/Renault) - a 1m09s093
12 - Adrian Sutil (ALE/Force India-Mercedes) - a 1m22s958
13 - Jaime Alguersuari (ESP/STR-Ferrari) - a 1m32s656
14 - Nico Hulkenberg (ALE/Williams-Cosworth) - a 1 volta
15 - Heikki Kovalainen (FIN/Lotus-Cosworth) - a 1 volta
16 - Sebastien Buemi (SUI/STR-Ferrari) - a 3 voltas
17 - Jarno Trulli (ITA/Lotus-Cosworth) - a 3 voltas

Imagem
Felipe Massa

Desistiram
Pedro de la Rosa (ESP/Sauber-Ferrari) - a 19 voltas/mecânica
Bruno Senna (BRA/Hispania-Cosworth) - a 31 voltas/motor
Timo Glock (ALE/VRT-Cosworth) - a 32 voltas/hidráulico
Vitaly Petrov (RUS/Renault) - a 35 voltas/suspensão
Kamui Kobayashi (JAP/Sauber-Ferrari) - a 37 voltas/mecânica
Lucas di Grassi (BRA/VRT-Cosworth) - a 46 voltas/hidráulico
Karun Chandhok (IND/Hispania-Cosworth) - a 47 voltas/acidente

Melhor volta
Fernando Alonso (ESP/Ferrari) - 1m58s287, na 45ª volta

Classificação final do Mundial de Pilotos
1 Fernando Alonso ESP Ferrari 25
2 Felipe Massa BRA Ferrari 18
3 Lewis Hamilton ING McLaren-Mercedes 15
4 Sebastian Vettel ALE RBR-Renault 12
5 Nico Rosberg ALE Mercedes 10
6 Michael Schumacher ALE Mercedes 8
7 Jenson Button ING McLaren-Mercedes 6
8 Mark Webber AUS RBR-Renault 4
9 Vitantonio Liuzzi ITA Force India-Mercedes 2
10 Rubens Barrichello BRA Williams-Cosworth 1
11 Robert Kubica POL Renault 0
12 Adrian Sutil ALE Force India-Mercedes 0
13 Jaime Alguersuari ESP STR-Ferrari 0
14 Nico Hulkenberg ALE Williams-Cosworth 0
15 Heikki Kovalainen FIN Lotus-Cosworth 0
16 Sebastien Buemi SUI STR-Ferrari 0
17 Jarno Trulli ITA Lotus-Cosworth 0
18 Pedro de la Rosa ESP Sauber-Ferrari 0
19 Bruno Senna BRA Hispania-Cosworth 0
20 Timo Glock ALE VRT-Cosworth 0
21 Vitaly Petrov RUS Renault 0
22 Kamui Kobayashi JAP Sauber-Ferrari 0
23 Lucas di Grassi BRA VRT-Cosworth 0
24 Karun Chandhok IND Hispania-Cosworth 0

Classificação do Mundial de Construtores
1 Ferrari 43
2 McLaren-Mercedes 21
3 Mercedes 18
4 RBR-Renault 16
5 Force India-Mercedes 2
6 Williams-Cosworth 1
7 Renault 0
8 Sauber-Ferrari 0
9 STR-Ferrari 0
10 Lotus-Cosworth 0
11 VRT-Cosworth 0
12 Hispania-Cosworth 0

Próximo Grande prémio
QANTAS AUSTRALIAN GRAND PRIX (Melbourne) 26 - 28 Mar

Imagem
"O mal de muita gente não é a falta de ideias, mas um excesso de confiança nas poucas que tem"

Imagem

Avatar do usuário
AndréFF
Administrador
Administrador
Mensagens: 5407
Registrado em: 27 Abr 2009, 09:12
Fale sobre voce: ....
Localização: phpBB_users
Gender:
Contato:
Brazil

Re: Época 2010 - Formula 1

Mensagempor AndréFF » 14 Mar 2010, 14:41

Fiquei triste pelo Bruno não ter concluido a prova.
Mostre que você tem opinião. Registre-se no forum.

Imagem

Avatar do usuário
Lancelot
Membro
Membro
Mensagens: 2665
Registrado em: 04 Mai 2009, 17:37
Fale sobre voce: Galáxia XRT 202 ZZ
Contato:
Portugal

Re: Época 2010 - Formula 1

Mensagempor Lancelot » 27 Mar 2010, 08:08

A McLaren deu um sinal de clara força nos treinos desta sexta-feira do GP da Austrália, ao conseguir marcar os melhores tempos no combinado dos dois treinos.

Se primeiro treino, Button cotou-se como sendo o melhor da marca britânicam - apenas com o 3.º tempo, com a melhor volta a ficar marcada em 1.27,482 minutos - na segunda sessão, a McLaren marcou os dois melhores tempos, sendo Lewis Hamilton o único a descer abaixo do 1.25 minutos.

A 2.ª sessão ficou marcada pela forte chuva que se abateu sobre Melbourne, apenas cinco minutos antes do início das "hostilidades", e só se correram 10 minutos em pista seca. O campeão do mundo Fernando Alonso acabou por ser prejudicado com o fator meteorológico e ficou apenas no 15.º posto.

Na primeira sessão, Robert Kubica foi o mais rápido, sendo o único abaixo dos 1.26, com uma marca de 1.26,927 minutos. Nico Rosberg (Mercedes) foi segundo, a 99 milésimos do polaco.

O alemão Michael Schumacher ficou-se pelo 12.º tempo na primeira sessão (1.28,550 minutos), subindo depois ao quarto posto na sessão seguinte (1.26,511 minutos).

Destaque ainda para a boa estreia de Paul di Resta (Force India), ao apenas perder quatro centésimos para o seu companheiro de equipa Vitantonio Liuzzi na primeira sessão de treinos.

Tempos da primeira sessão de treinos livres:

1.º Robert Kubica (Polónia/Renault), 1:26.927 minutos
2.º Nico Rosberg (Alemanha/Mercedes), 1:27.126
3.º Jenson Button (Inglaterra/McLaren), 1:27.482
4.º Felipe Massa (Brasil/Ferrari), 1:27.511
5.º Sebastian Vettel (Alemanha/RedBull), 1:27.686
6.º Fernando Alonso (Espanha/Ferrari), 1:27.747
7.º Lewis Hamilton (Inglaterra/McLaren), 1:27.793
8.º Sebastien Buemi (Suíça/Toro Rosso), 1:28.014
9.º Vitaly Petrov (Rússia/Renault), 1:28.114
10.º Vitantonio Liuzzi (Itália/Force India), 1:28.192
11.º Paul di Resta (Grã-Bretanha), Force India-Mercedes, 1:28.537
12.º Michael Schumacher (Alemanha), Mercedes GP, 1:28.550
13.º Jaime Alguersuari (Espanha), Toro Rosso-Ferrari, 1:28.572
14.º Mark Webber (Austrália), Red Bull-Renault, 1:28.633
15.º, Pedro de la Rosa (Espanha), BMW Sauber-Ferrari, 1:29.465
16.º Rubens Barrichello (Brasil), Williams-Cosworth, 1:29.712
17.º Nico Hulkenberg (Alemanha), Williams-Cosworth, 1:30.249
18.º Kamui Kobaiashi (Japão), BMW Sauber-Ferrari, 1:31.588
19.º Jarno Trulli (Itália), Lotus-Cosworth, 1:31.652
20.º Heikki Kovalainen (Finlândia), Lotus-Cosworth, 1:31.654
21.º Licas di Grassi (Brasil), Virgin-Cosworth), 1:32.831
22.º Bruno Senna (Brasil), HRT-Cosworth, 1:33.401
23.º Karun Chandhok (India), HRT-Cosworth, 1:34.251
24.º Timo Glock (Alemanha), Virgin-Cosworth, 1:34.925

Tempos da segunda sessão de treinos livres:

1.º Lewis Hamilton (Inglaterra), McLaren-Mercedes, 1:25.801 minutos
2.º Jenson Button (Inglaterra), McLaren-Mercedes, 1:26.076
3.º Mark Webber (Austrália), RedBull-Renault, 1:26.248
4.º Michael Schumacher (Alemanha), Mercedes GP, 1:26.511
5.º Vitaly Petrov (Rússia), Renault, 1:26.732
6.º Sébastien Buemi (Suíça), Toro Rosso-Ferrari, 1:26.832
7.º Adrian Sutil (Alemanha), Force India-Mercedes, 1:26.834
8.º Vitantonio Liuzzi (Itália), Force India-Mercedes, 1:26.835
9.º Rubens Barrichello (Brasil), Williams-Cosworth, 1:26.904
10.º Nico Rosberg (Alemanha), Mercedes GP, 1:26.956
11.º Robert Kubica (Polónia), Renault, 1:27.108
12.º Pedro de la Rosa (Espanha), BMW Sauber-Ferrari, 1:27.108
13.º Kamui Kobayashi (Japão), BMW Sauber-Ferrari, 1:27.455
14.º Nico Hulkenberg (Alemanha), Williams-Cosworth, 1:27.545
15.º Fernando Alonso (Espanha), Ferrari, 1:29.025
16.º Sebastian Vettel (Alemanha), Red Bull-Renault, 1:29.134
17.º Felipe Massa (Brasil), Ferrari, 1:29.591
18.º Heikki Kovalainen (Finlândia), Lotus-Cosworth, 1:29.860
19.º Jaime Alguersuari (Espanha), Toro Rosso-Ferrari, 1:30.510
20.º Jarno Trulli (Itália), Lotus-Cosworth, 1:30.695
21.º Timo Glock (Alemanha), Virgin-Cosworth, 1:32.117
22.º Lucas Di Grassi (Brasil), Virgin-Cosworth, -
23.º Karun Chandhok (India), HRT/Cosworth, -

Noticias
Hamilton detido pela polícia australiana
Imagem
Mais rápido na segunda sessão de treinos livres no Grande Prémio da Austrália, com o tempo de 1.25,801 minutos, Lewis Hamilton, piloto da McLaren Mercedes, foi apanhado ontem pelas autoridades australianas a conduzir de forma perigosa nas proximidades do circuito de Albert Park, em Melbourne.

De acordo com a imprensa local, a polícia do Estado de Victoria interceptou o Mercedes E500 de Lewis Hamilton na noite de sexta-feita devido a alguns piões e outras manobras menos correctas na via pública.

Carro de cinema chama atenção em Melbourne
Imagem
De Lorean é um dos modelos que foram utilizados em "De Volta para o Futuro"
Todos os anos, os organizadores do GP da Austrália colocam uma colecção de carros antigos perto da entrada do paddock.
Mas nenhum trouxe um conceito tão distinto de tempo.
E nem atraiu tanto a atracção dos espectadores.
O De Lorean do filme "De Volta Para o Futuro" está sempre cercado por dezenas de espectadores, alguns até ultrapassam a corda que limita o acesso para tirar foto ao lado da máquina, antes de serem retirados pelos seguranças.
De acordo com o chefe de imprensa da prova, o modelo é original, um dos muitos que foram utilizados nas filmagens.

Problema hidráulico compromete classificação de Senna em Melbourne
Imagem
Depois enfrentar problemas característicos de um carro novo na classificação deste sábado (27), Bruno Senna não conseguiu nada além da última fila no grid de largada para o GP da Austrália.
Mesmo tendo percorrido dez voltas, o piloto da Hispania sofreu com problemas na hidráulica e vai largar em 23º, uma posição à frente do companheiro de equipe Karun Chandhok.
Em entrevista à TV Globo, o brasileiro explicou ainda os motivos que levaram a equipe a providenciar a substituição do motor de seu carro.
Vale lembrar que tal procedimento não acarretará em punição para Senna.
“Resolvemos trocar o motor porque houve super-aquecimento devido a um vazamento de água, mas não foi quebra. Na classificação tivemos um problema na hidráulica por causa de um furo, acabou vazando muito óleo, e assim, perdemos um pouco de milhagem”, finalizou.
"O mal de muita gente não é a falta de ideias, mas um excesso de confiança nas poucas que tem"

Imagem

Avatar do usuário
Lancelot
Membro
Membro
Mensagens: 2665
Registrado em: 04 Mai 2009, 17:37
Fale sobre voce: Galáxia XRT 202 ZZ
Contato:
Portugal

Re: Época 2010 - Formula 1

Mensagempor Lancelot » 27 Mar 2010, 23:13

A Red Bull dominou este sábado os treinos de qualificação do GP Austrália, conseguindo colocar os seus dois pilotos na frente da grelha de partida.
Sebastian Vettel volta a partir da pole position e Mark Webber na segunda posição.

Imagem

O alemão fez o seu melhor tempo no arranque da última fase dos treinos, fixando o cronómetro em 1.23,919 minutos.
"É um bom resultado para ambos, na pista em que Webber corre em casa", afirmou Vettel após ao treino desta manhã.
E conclui:
"Partindo em primeiro, o objectivo é, evidentemente, chegar na mesma posição".

O campeão do mundo em título, o britânico Jenson Button, partirá da segunda fila da grelha, tendo à sua frente o vencedor da primeira corrida da época, o espanhol Fernando Alonso.
Felipe Massa fez o quinto tempo, seguido de perto pelos alemães da Mercedes - Rosberg e Schumacher, 6.º e 7.º classificados, respectivamente.

Já a grande desilusão foi o britânico Lewis Hamilton, ao ter sido eliminado na 2.ª fase dos treinos, com um tempo de 1.25,184 minutos, insuficiente para continuar em prova.
O britânico partirá do 11.º lugar da grelha.

O Grande Prémio da Austrália, segunda prova do Mundial, decorre domingo às 7 horas no circuito de Melbourne.

Tempos de qualificação:

1. Sebastian Vettel (Alemanha), RedBull-Renault, 1.23,919 minutos
2. Mark Webber (Austrália), RedBull-Renault, 1.24,035
3. Fernando Alonso (Espanha), Ferrari, 1.24,111
4. Jenson Button (Reino Unido), McLaren-Mercedes, 1.24,675
5. Felipe Massa (Brasil), Ferrari, 1.24,837
6. Nico Rosberg (Alemanha), Mercedes GP, 1.24,884
7. Michael Schumacher (Alemanha), Mercedes GP, 1.24,927
8. Rubens Barrichello (Brasil), Williams-Cosworth, 1.25,217
9. Robert Kubica (Polónia), Renault, 1.25,72
10. Adrian Sutil (Alemanha), Force India-Mercedes, 1.26,036
11. Lewis Hamilton (Reino Unido), McLaren Mercedes, 1.25,184
12. Sebastien Buemi (Suíça) Toro Rosso-Ferrari, 1.25,638
13. Vitantonio Liuzzi (Itália), Force India-Mercedes, 1.25,73
14. Pedro de la Rosa (Espanha), BMW Sauber-Ferrari, 1.25,747
15. Nico Huelkenberg (Alemanha), Williams-Cosworth, 1.25,748
16. Kamui Kobayashi (Japão), BMW Sauber-Ferrari, 1.25,777
17. Jaime Alguersuari (Espanha), Toro Rosso-Ferrari, 1.26,089
18. Vitaly Petrov (Rússia), Renault, 1.26,471
19. Heikki Kovalainen (Finlândia), Lotus-Cosworth, 1.28,797
20. Jarno Trulli (Itália), Lotus-Cosworth, 1.29,111
21. Timo Glock (Alemanha), Virgin-Cosworth, 1.29,592
22. Lucas Di Grassi (Brasil), Virgin-Cosworth, 1.30,185
23. Bruno Senna (Brasil), HRT-Cosworth, 1.30,526
24. Karun Chandhok (Indía), HRT-Cosworth, 1.30,613
"O mal de muita gente não é a falta de ideias, mas um excesso de confiança nas poucas que tem"

Imagem


Avatar do usuário
AndréFF
Administrador
Administrador
Mensagens: 5407
Registrado em: 27 Abr 2009, 09:12
Fale sobre voce: ....
Localização: phpBB_users
Gender:
Contato:
Brazil

Re: Época 2010 - Formula 1

Mensagempor AndréFF » 27 Mar 2010, 23:18

Cara, uns dois anos atras tu nem sabia direito que existia as equipes da red bull, agora os cara tão lá disputando o titulo.

Surgiram do nada.
Mostre que você tem opinião. Registre-se no forum.

Imagem

Avatar do usuário
Lancelot
Membro
Membro
Mensagens: 2665
Registrado em: 04 Mai 2009, 17:37
Fale sobre voce: Galáxia XRT 202 ZZ
Contato:
Portugal

Re: Época 2010 - Formula 1

Mensagempor Lancelot » 28 Mar 2010, 09:02

Imagem

Button vence corrida dramática em Melbourne

O actual campeão mundial estreou-se a vencer pela McLaren-Mercedes, beneficiando da estratégia de mudança de pneus da equipa, numa prova que contou com muitos abandonos, entre os quais o de Vettel

O britânico Jenson Button (McLaren-Mercedes), actual campeão mundial de Fórmula 1, venceu este domingo o Grande Prémio da Austrália, no circuito de Albert Park, em Melbourne, numa corrida marcada por muitos abandonos, grande parte em consequência de a pista ter estado bastante molhada na fase inicial da prova.
Numa prova onde Sebastian Vettel (Red Bull), apesar de ter partido da “pole position” voltou a ter problemas com o monolugar e teve de abandonar, a grande surpresa foi o polaco Robert Kubica (Renault) que conseguiu a segunda posição, a 12 segundos de Button, tendo sido seguido pelos dois pilotos da Ferrari, o brasileiro Felipe Massa e o espanhol Fernando Alonso, a 14,4 e a 16,3 segundos, respectivamente.

Após a monótona corrida do Bahrain, a segunda prova do Mundial de Fórmula 1 teve muito mais emoção e incerteza até final, o que se deveu, em grande parte, aos diversos acidentes que ocorreram desde a partida, altura em que Alonso, logo na primeira curva, após toque, deu um pião e caiu para último, enquanto quatro outros pilotos nem sequer chegaram a completar uma volta, nomeadamente Sébastien Buemi (Toro Rosso), Nico Hulkenberg (Williams), Kamui Kobayashi (Sauber) e Jarno Trulli (Lotus), tendo inclusivamente o "safety car" entrado em pista.

Robert Kubica foi a sensação no GP da AustráliaNuma altura em que o piso do circuito australiano ainda estava bastante molhado, a McLaren arriscou cedo a mudança de pneus do monolugar de Button para piso seco e acabou por ganhar a aposta, batendo toda a concorrência, que só algumas voltas mais tarde tomou a mesma decisão.
No entanto, o campeão mundial beneficiou ainda de novo azar de Sébastien Vettel, que liderou até quase metade da corrida, mas uma falha de travões no Red Bull RB6 deitou tudo a perder e teve como consequência o abandono forçado da prova após despiste.

A sensação do GP da Austrália foi Robert Kubica, que conseguiu manter-se à margem dos vários incidentes e, mesmo sendo muito pressionado por Lewis Hamilton (McLaren) durante a maior parte da prova, conseguiu levar o monolugar da Renault à segunda posição.
Por seu turno, Felipe Massa resistiu à pressão do seu companheiro de equipa, que, apesar de ter caído para último na primeira volta, rapidamente regressou aos lugares da frente e assegurou a quarta posição.

A prova foi marcada por muitos incidentes desde a partida.
O piloto espanhol, que tal como o seu colega levou até ao limite a utilização dos pneus macios, acabou por ser igualmente pressionado por Lewis Hamilton na parte final da corrida, no entanto, um toque entre o piloto britânico e o australiano Mark Webber (Red Bull) acabou por atirar Hamilton para a sexta posição e remeter Webber ao nono posto, após despiste de ambos.

Já o alemão Nico Rosberg (Mercedes GP) voltou a ser mais rápido que o seu companheiro de equipa e compatriota Michael Schumacher e conseguiu o quinto lugar em Melbourne, enquanto que o regressado heptacampeão mundial, que teve de trocar a asa dianteira no início da prova, foi apenas 10º, fechando os lugares pontuáveis.
O italiano Vitantonio Liuzzi (Force India) ficou em sétimo lugar, à frente do brasileiro Rubens Barrichello (Williams).

Ao longo da prova, houve ainda lugar para mais abandonos, nomeadamente os dos dois pilotos da Virgin Racing, Timo Glock e Lucas Di Grassi, e os de Sebastian Vettel (Red Bull), Adrian Sutil (Force India), Vitaly Petrov (Renault) e Bruno Senna (HRT).
Destaque ainda para o facto de Karun Chandok ter conseguido levar um monolugar da estreante HRT até ao final de uma corrida pela primeira vez.

Classificação GP da Austrália:

1. Jenson Button – 25 pts
2. Robert Kubica – 18 pts
3. Felipe Massa – 15 pts
4. Fernando Alonso – 12 pts
5. Nico Rosberg – 10 pts
6. Lewis Hamilton – 8 pts
7. Vitantonio Liuzzi – 6 pts
8. Rubens Barrichello – 4 pts
9. Mark Webber – 2 pts
10. Michael Schumacher – 1 pt
11. Jaime Alguersuari
12. Pedro de la Rosa
13. Heikki Kovalainen
14. Karun Chandhok

Desistiram: Timo Glock; Lucas di Grassi; Sebastian Vettel; Adrian Sutil; Vitaly Petrov; Bruno Senna; Sebastien Buemi; Nico Hulkenberg; Kamui Kobayashi; Jarno Trulli

Mundial de Pilotos

1. Fernando Alonso – 37 pts
2. Felipe Massa – 33 pts
3. Jenson Button – 31 pts
4. Lewis Hamilton – 23 pts
5. Nico Rosberg – 20 pts
6. Robert Kubica – 18 pts
7. Sebastian Vettel – 12 pts
8. Michael Schumacher – 9 pts
9. Vitantonio Liuzzi – 8 pts
10. Mark Webber – 6 pts
11. Rubens Barrichello – 5 pts

Mundial de Construtores

1. Ferrari – 70 pts
2. McLaren-Mercedes - 54 pts
3. Mercedes GP - 29 pts
4. Renault – 18 pts
5. Red Bull – 18 pts
6. Force India F1 – 8 pts
7. Williams – 5 pts
"O mal de muita gente não é a falta de ideias, mas um excesso de confiança nas poucas que tem"

Imagem

Avatar do usuário
Lancelot
Membro
Membro
Mensagens: 2665
Registrado em: 04 Mai 2009, 17:37
Fale sobre voce: Galáxia XRT 202 ZZ
Contato:
Portugal

Re: Época 2010 - Formula 1

Mensagempor Lancelot » 02 Abr 2010, 12:30

Imagem

Lewis Hamilton (McLaren) “cravou” os melhores tempos das duas sessões de treinos livres para o Grande Prémio da Malásia, terceira prova do Mundial de Fórmula 1, que se disputa no domingo no circuito de Sepang.

O piloto britânico impôs-se na primeira sessão com o registo de 1.34,921 minutos, superando o alemão Nico Rosberg e o seu companheiro de equipa, Jenson Button. Michael Schumacher obteve o quarto melhor tempo.

Hamilton voltou a ser o mais rápido na segunda sessão de treinos livres, baixando o registo para 1.34,175, desta feita seguido por Sebastian Vettel (Red Bull), que garantiu as “poles” nas duas primeiras corridas do Mundial.

A sessão de qualificação para o Grande Prémio da Malásia realiza-se este sábado, às 09 horas de Lisboa, a mesma hora em que está prevista a corrida de domingo.

Imagem
Circuito: Sepang
Número de curvas: 15
Distância da volta: 5,543 km
Voltas: 56
Distância total: 310,408 km
Volta recorde: J.P. Montoya (2004, Williams) | Tempo: 1min34s223

Tempos:

1.ª Sessão
Lewis Hamilton (GBR/McLaren-Mercedes), 1:34.921
Nico Rosberg (ALE/Mercedes), 1:35.106
Jenson Button (GBR/McLaren-Mercedes), 1:35.207
Michael Schumacher (ALE/Mercedes), 1:35.225
Robert Kubica (POL/Renault), 1:35.402
Mark Webber (AUS/Red Bull-Renault) 1:35.479
Adrian Sutil (ALE/Force India-Mercedes) 1:35.955
Fernando Alonso (ESP/Ferrari), 1:35.959
Sebastian Vettel (GER/Red Bull-Renault), 1:36.043
Sébastien Buemi (SUI/Toro Rosso-Ferrari), 1:36.100
Felipe Massa (BRA/Ferrari), 1:36.451
Kamui Kobayashi (JPN/Sauber-Ferrari), 1:36.503
Jaime Alguersuari (ESP/Toro Rosso-Ferrari), 1:36.645
Vitaly Petrov (RUS/Renault), 1:36.712
Paul di Resta (GBR/Force India-Mercedes), 1:36.891
Pedro de la Rosa (ESP/Sauber-Ferrari), 1:36.899
Nico Hülkenberg (ALE/Williams-Cosworth), 1:37.802
Rubens Barrichello (BRA/Williams-Cosworth), 1:38.278
Jarno Trulli (ITA/Lotus-Cosworth), 1:39.460
Timo Glock (ALE/Virgin-Cosworth), 1:39.755
Lucas Di Grassi (BRA/Virgin-Cosworth) 1:40.159
Fairuz Fauzy (MAL/Lotus-Cosworth), 1:40.721
Bruno Senna (BRA/Hispania-Cosworth), 1:41.832
Karun Chandhok (IND/Hispania-Cosworth), 1:41.966

2.ª sessão
Lewis Hamilton (GBR/McLaren-Mercedes), 1:34.175
Sebastian Vettel (ALE/Red Bull-Renault), 1:34.441
Nico Rosberg (ALE/Mercedes), 1:34.443
Jenson Button (GBR/McLaren-Mercedes), 1:34.538
Michael Schumacher (ALE/Mercedes), 1:34.674
Robert Kubica (POL/Renault), 1:35.148
Fernando Alonso (ESP/Ferrari), 1:35.581
Sébastien Buemi (SUI/Toro Rosso-Ferrari), 1:35.660
Vitaly Petrov (RUS/Renault), 1:35.872
Adrian Sutil (ALE/Force India-Mercedes), 1:35.957
Kamui Kobayashi (JAP/Sauber-Ferrari), 1:36.018
Vitantonio Liuzzi (ITA/Force India-Mercedes), 1:36.221
Pedro de la Rosa (ESP/Sauber-Ferrari), 1:36.325
Jaime Alguersuari (ESP/Toro Rosso-Ferrari), 1:36.325
Felipe Massa (BRA/Ferrari), 1:36.602
Rubens Barrichello (BRA/Williams-Cosworth), 1:36.813
Nico Hülkenberg (ALE/Williams-Cosworth), 1:37.415
Jarno Trulli (ITA/Lotus-Cosworth), 1:38.454
Heikki Kovalainen (FIN/Lotus-Cosworth), 1:38.530
Mark Webber (AUS/Red Bull-Renault), 1:38.786
Timo Glock (ALE/Virgin-Cosworth), 1:39.061
Lucas Di Grassi (BRA/Virgin-Cosworth), 1:39.158
Karun Chandhok (IND/Hispania-Cosworth), 1:41.084
Bruno Senna (BRA/Hispania-Cosworth), 1:41.481
"O mal de muita gente não é a falta de ideias, mas um excesso de confiança nas poucas que tem"

Imagem

Avatar do usuário
Lancelot
Membro
Membro
Mensagens: 2665
Registrado em: 04 Mai 2009, 17:37
Fale sobre voce: Galáxia XRT 202 ZZ
Contato:
Portugal

Re: Época 2010 - Formula 1

Mensagempor Lancelot » 04 Abr 2010, 18:36

Imagem

O Grande Prémio da Malásia não teve chuva mas nem por isso deixou de ter ultrapassagens decisivas como a que deu a Sebastian Vettel e à Red Bull suas primeiras vitórias na temporada 2010 da Fórmula 1 e que fizeram Felipe Massa primeiro igualar e depois ultrapassar a Fernando Alonso na liderança do Mundial de pilotos.

Imagem

Com uma boa largada e ultrapassagem logo no primeiro trecho de curvas, Sebastian Vettel ganhou duas posições e tomou a liderança de Mark Webber, o segundo colocado.
E foi líder até cruzar a linha de chegada e finalmente dar a vitória para a equipe que fez a pole nas três corridas já disputadas.
Nico Rosberg, da Mercedes, completou o pódio e mais uma vez ficou à frente de Michael Schumacher, que parou logo na décima volta.

Imagem

Na última parte da corrida outra ultrapassagem foi decisiva, mas desta vez para a configuração da classificação do Mundial de pilotos.
Graças a ultrapassagem sobre Jenson Button, Felipe Massa terminou em sexto lugar e com o abandono de Alonso consagrou-se como o novo líder.

Imagem

Com McLarens e Ferrari largando nos últimos lugares e a liderança de Vettel ter-se consolidado desde o início, as atenções ficaram voltadas para a progressão de Lewis Hamilton, Jenson Button, Fernando Alonso e Felipe Massa.
E foi justamente isso que deu um brilho a mais à corrida levando em conta que a prometida chuva desta vez não apareceu.

Hamilton, largando em 20º, não precisou nem de cinco voltas para chegar à zona de pontuação.
O inglês, inclusive, apareceu em terceiro, mas não teve fôlego para subir ao pódio. Mesmo assim, Hamilton teve a boa corrida premiada com o sexto lugar.

Massa, que largou em 21º, também ganhou posições na largada, mas na primeira parte da prova não conseguiu ser tão agressivo quanto Hamilton.
A recuperação se deu na parte final da corrida, quando Massa chegou a Jenson Button, ultrapassou-o e fechou o dia em sétimo lugar, posição que lhe deu preciosos quatro pontos para deixar Fernando Alonso para trás.

Aliás, o abandono do espanhol, combinada com a vitória de Vettel, faz com que Alonso caia para terceiro na classificação geral, equilibrando o campeonato.

Classificação do GP da Malásia

[BBvideo 425,350]http://www.youtube.com/v/fuBdoKfZEtQ&hl[/BBvideo]

1º - Sebastian Vettel (ALE / Red Bull)
2º - Mark Webber (AUS / Red Bull) a 4,8 segundos
3º - Nico Rosberg (ALE / Mercedes) a 13,5 segundos
4º - Robert Kubica (POL / Renault) a 18,5 segundos
5º - Adrian Sutil (ALE / Force India) a 21 segundos
6º - Lewis Hamilton (ING / McLaren) a 23,4 segundos
7º - Felipe Massa (BRA / Ferrari) a 27 segundos
8º - Jenson Button (ING / McLaren) a 37,9 segundos
9º - Jaime Alguersuari (ESP / Toro Rosso) a 70,6 segundos
10º - Nico Hulkenberg (ALE / Williams) a 73,3 segundos
11º - Sebastian Buemi (SUI / Toro Rosso) a 78,9 segundos
12º - Rubens Barrichello (BRA / Williams) a 1 volta
13º - Fernando Alonso (ESP / Ferrari) a 2 voltas
14º - Lucas di Grassi (BRA / Virgin) a 3 voltas
15º - Karin Chandhok (IND / Hispania) a 3 voltas
16º - Bruno Senna (BRA / Hispania) a 4 voltas
17º - Jarno Trulli (ITA /Lotus) a 5 voltas
- Heikki Kovalainen (FIN / Lotus) - Abandonou na 46ª volta
- Vitaly Petrov (RUS / Renault) - Abandonou na 32ª volta
- Vitantonio Liuzzi (ITA / Force India) - Abandonou na 12ª volta
- Michael Schumacher (ALE / Mercedes) - Abandonou na décima volta
- Kamui Kobayashi (JAP / Sauber) - Abandonou na oitava volta
- Timo Glock (ALE / Virgin) - Abandonou na segunda volta
- Pedro de la Rosa (ESP / Sauber) - Não largou

Classificação dos pilotos

1 Felipe Massa Brazilian Ferrari 39
2 Fernando Alonso Spanish Ferrari 37
3 Sebastian Vettel German RBR-Renault 37
4 Jenson Button British McLaren-Mercedes 35
5 Nico Rosberg German Mercedes GP 35
6 Lewis Hamilton British McLaren-Mercedes 31
7 Robert Kubica Polish Renault 30
8 Mark Webber Australian RBR-Renault 24
9 Adrian Sutil German Force India-Mercedes 10
10 Michael Schumacher German Mercedes GP 9
11 Vitantonio Liuzzi Italian Force India-Mercedes 8
12 Rubens Barrichello Brazilian Williams-Cosworth 5
13 Jaime Alguersuari Spanish STR-Ferrari 2
14 Nico Hulkenberg German Williams-Cosworth 1
15 Sebastien Buemi Swiss STR-Ferrari 0
16 Pedro de la Rosa Spanish BMW Sauber-Ferrari 0
17 Heikki Kovalainen Finnish Lotus-Cosworth 0
18 Karun Chandhok Indian HRT-Cosworth 0
19 Lucas di Grassi Brazilian Virgin-Cosworth 0
20 Bruno Senna Brazilian HRT-Cosworth 0
21 Jarno Trulli Italian Lotus-Cosworth 0
22 Timo Glock German Virgin-Cosworth 0
23 Vitaly Petrov Russian Renault 0
24 Kamui Kobayashi Japanese BMW Sauber-Ferrari 0

Carros

1º Ferrari 76
2ºMcLaren 66
3ºRed Bull 61
4ºMercedes GP 44
5ºRenault 30
6ºForce India 18
7ºWilliams 6
8ºToro Rosso 2
9ºSauber 0
10ºLotus 0
11º HRT 0
12º Virgin 0

Próximo grande prémio
Xangai China
Imagem
* Circuito: Xangai
* Local: China
* Primeiro GP de F1: 26/9/2004
* Capacidade: 200 mil pessoas
* Distância de volta: 5,451 km
* Voltas: 56 (305,066 km)
* Curvas: 16
* Velocidade máxima: 320 km/h
* Pole 2009: Sebastian Vettel (Red Bull)

[BBvideo 425,350]http://www.youtube.com/v/zWV3WtJl7aA&hl[/BBvideo]

* 15/423h00Treino livre
* 16/403h00Treino livre
* 17/400h00Treino livre
* 17/403h00Classificação
* 18/404h00Corrida
"O mal de muita gente não é a falta de ideias, mas um excesso de confiança nas poucas que tem"

Imagem

Avatar do usuário
Lancelot
Membro
Membro
Mensagens: 2665
Registrado em: 04 Mai 2009, 17:37
Fale sobre voce: Galáxia XRT 202 ZZ
Contato:
Portugal

Re: Época 2010 - Formula 1

Mensagempor Lancelot » 15 Abr 2010, 12:49

O Grande Circo monta tenda este fim-de-semana em Xangai para a 4.ª corrida do Mundial de Fórmula 1.

Na China, mais do que a habitual luta pela geral ou a redenção da Ferrari após o desastroso GP da Malásia, sobressairá um "tête-à-tête" entre os alemães Michael Schumacher e Sebastian Vettel, para quem a pista de Xangai encerra no seu traçado algum misticismo.
É que, se por um lado foi no circuito chinês que Vettel deu à Red Bull a sua primeira vitória na Fórmula 1 (em 2009), por outro também foi nesse mesmo asfalto que Schumacher abriu o champanhe pela última vez, quando em 2006 triunfou ao volante de um Ferrari.

Afirmação de Michael Schumacher

Imagem

O sete vezes campeão do Mundo não regressou da melhor forma à competição, mas ainda assim, nada está perdido.
Pelo menos é esta a sua convicção.
Mesmo desiludido com a sua prestação nas três corridas deste ano (Bahrain, Austrália e Malásia), o alemão deixou um aviso aos adversários esta quinta-feira.

"Se formos rápidos o suficiente no desenvolvimento do carro, não vejo razões para não lutarmos pelo título.
A temporada é muito longa e sabemos como evolui.
Tenho a certeza que este carro tem potencial. Ainda estou na luta pelo título", afirmou o alemão da Mercedes.

A última vitória, das 91 que Schumacher soma na sua carreira, foi conquistada no GP China, que será palco da corrida deste fim-de-semana.
Ainda assim, Schumi não está particularmente entusiasmado com este regresso, ainda mais quando nas três primeiras corridas não ocupou lugares de destaque: ficou em 6.º no Bahrain, 10.º na Austrália e não chegou ao final na Malásia.

"Não sou uma pessoa que se prende ao passado.
Prefiro olhar para o futuro e fazer corridas melhores do que minhas últimas três", finalizou o piloto da Mercedes.
Webber percorre Xangai num simulador Red Bull
[BBvideo 425,350]http://www.youtube.com/v/UPoNDeRLT1k&hl[/BBvideo]

Até sexta
Imagem
"O mal de muita gente não é a falta de ideias, mas um excesso de confiança nas poucas que tem"

Imagem

Avatar do usuário
Lancelot
Membro
Membro
Mensagens: 2665
Registrado em: 04 Mai 2009, 17:37
Fale sobre voce: Galáxia XRT 202 ZZ
Contato:
Portugal

Re: Época 2010 - Formula 1

Mensagempor Lancelot » 17 Abr 2010, 14:40

Imagem

Sebastian Vettel conquistou a sua terceira pole position em 2010.
Neste sábado, o alemão da Red Bull - pela quarta vez largando na frente de todos - fez 1min34s558 e deixou para trás Lewis Hamilton, da McLaren, mais rápido durante as duas sessões do treino de classificação para o GP da China e que decepcionou com um sexto lugar.
A Red Bull fez ainda o segundo, Mark Webber, que no treino livre do dia já havia deixado Hamilton para trás.

Fernando Alonso, que divide a vice-liderança do Mundial com Vettel, conseguiu uma boa volta e vai largar em terceiro, ao lado do sempre veloz Nico Rosberg, que superou Michael Schumacher no duelo da Mercedes em quatro posições.
Já a McLaren, que despontava como favorita após os treinos livres, ficou na terceira fila, com Jenson Button de novo à frente de Lewis Hamilton.

Líder do Mundial, Felipe Massa errou na sua melhor volta e vai largar apenas em sétimo.
Rubens Barrichello levou seu Williams ao limite e quase conseguiu avançar ao Q3, mas ficou em 11º, cinco posições à frente do companheiro de equipe Nico Hulkenberg.
Lucas di Grassi, da Virgin, não atingiu a meta de superar os pilotos da Lotus e foi o 22º.
Já Bruno Senna acabou em 23º e reclamou muito da Hispania, que mexeu no carro sem consulta-lo antes do treino de classificação.

A quarta etapa do Mundial de Fórmula 1 será disputada deste domingo.

O grid da largada para o GP da China

1 - Sebastian Vettel (ALE / Red Bull) - 1min34s558
2 - Mark Webber (AUS / Red Bull) - 1min34s806
3 - Fernando Alonso (ESP / Ferrari) - 1min34s913
4 - Nico Rosberg (ALE / Mercedes) - 1min34s923
5 - Jenson Button (ING / McLaren) - 1min34s979
6 - Lewis Hamilton (ING / McLaren) - 1min35s034
7 - Felipe Massa (BRA / Ferrari) - 1min35s180
8 - Robert Kubica (POL / Renault) - 1min35s364
9 - Michael Schumacher (ALE / Mercedes) - 1min35s646
10 - Adrian Sutil (ALE / Force India) - 1min35s963
11 - Rubens Barrichello (BRA / Williams) - 1min35s748
12 - Jaime Alguersuari (ESP / Toro Rosso) - 1min36s047
13 - Sebastien Buemi (SUI / Toro Rosso) - 1min36s149
14 - Vitaly Petrov (RUS / Renault) - 1min36s311
15 - Kamui Kobayashi (JAP / Sauber) - 1min36s422
16 - Nico Hulkenberg (ALE / Williams) - 1min36s647
17 - Pedro de la Rosa (ESP / Sauber) - 1min37s020
18 - Vitantonio Liuzzi (ITA / Force India) - 1min37s161
19 - Timo Glock (ALE / Virgin) - 1min39s278
20 - Jarno Trulli (ITA / Lotus) - 1min39s399
21 - Heikki Kovalainen (FIN / Lotus) - 1min39s520
22 - Lucas di Grassi (BRA / Virgin) - 1min39s783
23 - Bruno Senna (BRA /Hispania) - 1min40s469
24 - Karun Chandhok (IND / Hispania) - 1min40s578

Buemi sofre acidente nos treinos do GP China
Nem dá para acreditar
[BBvideo 425,350]http://www.youtube.com/v/wQZrmBoRjKY&hl[/BBvideo]
"O mal de muita gente não é a falta de ideias, mas um excesso de confiança nas poucas que tem"

Imagem

Sirius
Membro
Membro
Mensagens: 957
Registrado em: 07 Fev 2010, 05:43
Fale sobre voce: Fale sobre você

Re: Época 2010 - Formula 1

Mensagempor Sirius » 18 Abr 2010, 10:56

A corrida de hoje foi boa, no entanto o Hamilton merecia girar. E tivemos a prova que o shummy deve se aposentar novamente.
[align=center]Imagem[/align]

Avatar do usuário
Lancelot
Membro
Membro
Mensagens: 2665
Registrado em: 04 Mai 2009, 17:37
Fale sobre voce: Galáxia XRT 202 ZZ
Contato:
Portugal

Re: Época 2010 - Formula 1

Mensagempor Lancelot » 18 Abr 2010, 12:21

Imagem

Para a McLaren e Button bastou, de novo "JUNTAR ÁGUA".
Tal como aconteceu em Melbourne, bastou juntar água para que a F1 vivesse de novo, mais um domingo emotivo e Jenson Button ganhasse.

Foi a 9ª vitória da carreira de Button, tornando-se no 7º piloto diferente a vencer em 7 anos de GP da China (antes Barrichello, Alonso, Schumacher, Raikkonen, Hamilton e Vettel).
A McLaren voltou 3 anos depois a uma dobradinha e com isso colocou não só Button no comando do mundial como também a escuderia de Woking é agora a líder do campeonato de construtores.
Imagem

CHOVE, NÃO CHOVE
Em Xangai, a corrida começou porém com pista meio seca.
Apenas algumas voltas corridas e São Pedro começou a mexer com as coisas.
Nunca chovendo copiosamente, o certo é que de aguaceiro em aguaceiro, muitos foram os pilotos que rumaram às boxes para mudarem de pneus.

E aí foi logo no primeiro aguaceiro que a corrida se começou a decidir.
Pilotos como Nico Rosberg, Jenson Button e Robert Kubica mantiveram-se em pista.
Ao contrário do que os outros pensaram, a pista voltou a secar e assim este trio ganhou vantagem de pista e permitiu dominar a estratégia no resto da corrida.
Imagem

ALONSO QUEIMA LARGADA

Na largada, Fernando Alonso queimou a partida e viu-se na obrigação de fazer um drive through pela via das boxes, perdendo posição de pista, ainda assim beneficiando de um segundo safety car, no momento em que Alguersuari partiu a asa frontal do Toro Rosso, deixando detritos em pista.
Imagem

Safety Car que avançou para a pista logo na 1ª volta de corrida, depois de um acidente resultante de despiste do Force India de Liuzzi que levou consigo em frente Buemi e Kobayashi.

Uma corrida que com chuva voltou a ter, a exemplo da Malásia, com despistes, dificuldades de controlo dos carros, ultrapassagens, até mesmo na entrada da pit lane.
ROSBERG EM GRANDE

Após Alonso ter cumprido a penalização e os Red Bull terem colocado intermédios, Rosberg comandou o GP até ao momento em que errou numa travagem e deixou Button aproximar-se.
Estávamos na volta 19 e o inglês tirando partido do sistema FDuct que garante maior velocidade de ponta nas longas rectas de Xangai, passou para a frente da corrida.

De trás para a frente, Lewis Hamilton, embrulhado nas primeiras voltas, lá se foi despachando um por um, de Webber, Vettel, Schumacher, Petrov e Kubica.
O inglês achou-se atrás de Rosberg que entretanto estava a perder tempo atrás de Button. Naquela que foi a sua 4ª passagem pelas boxes (bem mais do que as 2 que fizeram Button e Rosberg), Hamilton tirou partido de uma volta muito boa para que após o pitstop de Rosberg, assumisse a segunda posição de corrida e garantisse a 1ª dobradinha da McLaren desde o GP de Itália de 2007.
Imagem

CLASSIFICAÇÃO FINAL DO GP DA CHINA

1º - Jenson Button (ING) McLaren-Mercedes - 56 voltas em 1h44m42s163
2º - Lewis Hamilton (ING) McLaren-Mercedes - a 1s530
3º - Nico Rosberg (ALE) Mercedes - a 9s484
4º - Fernando Alonso (ESP) Ferrari - a 11s869
5º - Robert Kubica (POL) Renault - a 22s213
6º - Sebastian Vettel (ALE) Red Bull-Renault - a 33s310
7º - Vitaly Petrov (RUS) Renault - a 47s600
8º - Mark Webber (AUS) Red Bull-Renault - a 52s172
9º - Felipe Massa (BRA) Ferrari - a 57s796
10º - Michael Schumacher (ALE) Mercedes - a 1m01s749
11º - Adrian Sutil (ALE) Force India-Mercedes - a 1m02s874
12º - Rubens Barrichello (BRA) Williams-Cosworth - a 1m03s665
13º - Jaime Alguersuari (ESP) Toro Rosso-Ferrari - a 1m11s416
14º - Heikki Kovalainen (FIN) Lotus-Cosworth - a uma volta
15º - Nico Hulkenberg (ALE) Williams-Cosworth - a uma volta
16º - Bruno Senna (BRA) Hispania-Cosworth - a duas voltas
17º - Karun Chandhok (IND) Hispania-Cosworth - a quatro voltas

Abandonaram

Jarno Trulli (ITA) Lotus-Cosworth - a 29 voltas/mecânico
Lucas di Grassi (BRA) Virgin-Cosworth - a 47 voltas/mecânico
Pedro de la Rosa (ESP) Sauber-Ferrari - a 48 voltas/motor
Sebastien Buemi (SUI) Toro Rosso-Ferrari - a 56 voltas/colisão
Kamui Kobayashi (JAP) Sauber-Ferrari - a 56 voltas/colisão
Vitantonio Liuzzi (ITA) Force India-Mercedes - a 56 voltas/colisão
Timo Glock (ALE) Virgin-Cosworth - a 56 voltas/colisão

Mundial de Pilotos

1. Jenson Button – 60 pts
2. Nico Rosberg – 50 pts
3. Fernando Alonso – 49 pts
4. Lewis Hamilton – 49 pts
5. Sebastian Vettel – 45 pts
6. Felipe Massa – 41 pts
7. Robert Kubica – 40 pts
8. Mark Webber – 28 pts
9. Adrian Sutil – 10 pts
10. Michael Schumacher – 10 pts
11. Vitantonio Liuzzi – 8 pts
12. Vitaly Petrov – 6 pts
13. Rubens Barrichello – 5 pts
14. Jaime Alguersuari – 2 pts
15. Nico Hulkenberg – 1 pt

Mundial de Construtores

1. McLaren-Mercedes – 109 pts
2. Ferrari – 90 pts
3. RBR-Renault – 73 pts
4. Mercedes GP – 60 pts
5. Renault – 46 pts
6. Force India-Mercedes – 18 pts
7. Williams-Cosworth – 6 pts
8. STR-Ferrari – 2 pts

Próximo grande prémio
Espanha (Barcelona)

Imagem

* Primeiro GP de F1: 29/9/1991
* Capacidade: 107 mil pessoas
* Distância de volta: 4,655 km
* Voltas: 66 (307,104 km)
* Curvas: 16
* Velocidade máxima: 325 km/h
* Pole 2009: Jenson Button (Brawn)

* 07/5 Treino livre
* 07/5 Treino livre
* 08/5 Treino livre
* 08/5 Classificação
* 09/5 Corrida
"O mal de muita gente não é a falta de ideias, mas um excesso de confiança nas poucas que tem"

Imagem

Avatar do usuário
Lancelot
Membro
Membro
Mensagens: 2665
Registrado em: 04 Mai 2009, 17:37
Fale sobre voce: Galáxia XRT 202 ZZ
Contato:
Portugal

Re: Época 2010 - Formula 1

Mensagempor Lancelot » 27 Abr 2010, 11:37

Noticias

GP Índia entra no “circo” em 2011
Imagem

O “patrão” da Fórmula 1, Bernie Ecclestone, revelou que o campeonato Mundial será disputado em 20 circuitos na próxima temporada, acrescentando o Grande Prémio da Índia aos 19 já existentes no calendário.

Assim, Ecclestone, para além de confirmar a prova da Índia, também assegura que os grandes prémios da China e Turquia permanecerão no “circo” em 2011, mesmo tendo em conta o pouco interesse da população daqueles países e da falta de promoção das provas.

«Ninguém sabe, nesta cidade, que se disputa esta corrida», vincou o presidente da FOM, em declarações na sala de imprensa do circuito de Xangai, argumentando que o desconhecimento dos chineses se deve «à falta de promoção da corrida».

Imagem
Ferrari descobre falha nos motores

A Ferrari descobriu a origem do sobreaquecimento dos motores no início desta época, que já levou Fernando Alonso a destruir dois motores, um no Grande Prémio da Malásia e outro nos treinos-livres na China.

Segundo a Auto Motor Und Sport, o problema reside nas válvulas pneumáticas, que deixam escapar muito ar, provocando os sobreaquecimentos.

O motor é o mesmo da temporada passada, mas foram feitas modificações no sistema de refrigeração para corresponder às novas regras da Fórmula 1.

Agora, a escuderia italiana vai pedir autorização à FIA para proceder às devidas alterações ao motor, de forma a não ocorrer novamente o mesmo problema.

Imagem
Polegares de Alonso seguros por 10 milhões de euros

OS polegares de Fernando Alonso tornaram-se, provavelmente, os mais valiosos do Mundo, mas também os mais protegidos.
O espanhol bi-campeão do Mundo (conquistou o título em 2005 e 2006) ganhou um seguro de vida e contra acidentes pessoais do banco espanhol que patrocina a Ferrari, o qual contempla uma apólice especial que protege... os polegares do piloto, no valor de 10 milhões de euros.

«Os polegares de Alonso são um símbolo.
Além de essenciais na pilotagem de um carro de F1, servem para fazer o sinal de vitória e mostram que está tudo sob controlo e bem protegido», justificou o patrocinador.

«O facto de ter uma profissão de risco fez-me compreender que a protecção é um aspecto fundamental», considerou, por sua vez, o piloto da Ferrari, que vai ter oportunidade de colocar os polegares à prova no próximo domingo, no primeiro GP do ano na Europa, precisamente no seu país, no circuito de Barcelona.
"O mal de muita gente não é a falta de ideias, mas um excesso de confiança nas poucas que tem"

Imagem

Avatar do usuário
Lancelot
Membro
Membro
Mensagens: 2665
Registrado em: 04 Mai 2009, 17:37
Fale sobre voce: Galáxia XRT 202 ZZ
Contato:
Portugal

Re: Época 2010 - Formula 1

Mensagempor Lancelot » 06 Mai 2010, 15:56

"É mais fácil encontrar uma virgem de 50 anos do que patrocinadores"

Imagem

O gestor de marketing de Michael Schumacher, sete vezes campeão mundial de Fórmula 1, afirmou hoje que "é mais fácil encontrar uma virgem de 50 anos do que patrocinadores" para o piloto alemão.

"A sua 'venda' não funciona como eu esperava, mas sim com muitas reservas", admitiu Willi Weber, que descobriu o talento de Schumacher para o automobilismo, ao jornal Bild.

Weber considerou que "existe um certo cansaço com Schumacher", acrescentando:
"As pessoas pensam: Meu Deus, que equipa representa agora.
Só o conheciam como sendo sempre um ganhador".

"Antes, havia bancadas cheias de bonés da Ferrari.
Agora, podem contar-se pelos dedos de uma mão os bonés prateados (da equipa Mercedes).
Não é fácil encontrar patrocinadores", afirmou.

Segundo Willi Weber, "esteja onde estiver, Sebastian Vettel (Red Bull/Renault) é o novo Schumi.
Nos cartazes, na publicidade é agora o número um.
Michael deixou um espaço que Sebastian soube ocupar".

Willi Weber admite que "é preciso um milagre para que Schumacher lute este ano pelo Mundial" e acrescenta:
"Creio que será preciso chegar a 2011 para controlar a equipa".
"O mal de muita gente não é a falta de ideias, mas um excesso de confiança nas poucas que tem"

Imagem


  • Tópicos Semelhantes
    Respostas
    Exibições
    Última mensagem

Voltar para “Fórmula 1”

Quem está online

Usuários navegando neste fórum: Nenhum usuário registrado e 1 visitante